terça-feira, 30 de junho de 2009

Aglomerada Solidão



Fotos tiradas da Cidade de São Paulo: a primeira da plataforma de embarque do Terminal Rodoviário do Tietê e a segunda da Marginal Tietê parada pelo excesso de carros e caminhões. Ambas, por coincidência e para ódio dos petistas, são obras de Paulo Maluf. Ambas à época de suas inaugurações foram criticadas por serem "faraônicas" e exageradas, e ambas hoje não dão conta do recado. Mas quem conhece a Rodoviária do Rio (pior que a de Presidente Prudente-SP), sabe agradecer aos pequenos luxos do Terminal Rodoviário do Tietê.

6 comentários:

Too-Tsie disse...

Eu que já viajei muito de ônibus, inclusive pro Rio, posso dizer que a nossa rodoviária é belíssima e ODARA.

Sem querer colocar política no meio, ele fez coisas ótimas.

Daniel disse...

só de ter uma estação de metrô junto da rodoviária, já é uma grande ajuda

Alexandre Lucas disse...

A rodoviária do Rio de Janeiro, com tantos turistas gringos na cidade, é uma vergonha nacional. A única coisa boa é ficar relativamente perto de Copa e Ipanema.

A cena mais engraçada foi eu entrar na "livraria e revistaria" e pedir o jornal nacional de maior tiragem: Folha de São Paulo. Ouvi um "Sr., não trabalhamos mais com este jornal".

Daniel disse...

Perto de Copa e Ipanema? Ela fica no centro da cidade e logo no cantinho mais distante e largado do centro. Tá, considerando que o túnel rebouças é perto, a Zona Sul fica mais próxima dela sim.

Natural que só bancas maiores tenham a Folha, mas é imperdoável que uma na rodoviária não tenha. Até aqui no Méier eu acho a Folha com facilidade.

enfim, essa rodoviária é toda errada. Morro de vergonha dela também.

Até o fim do ano vão inaugurar uma estação de metrô em frente a prefeitura, na Av. Presidente Vargas. ainda não é NA rodoviária, como a do Tietê, mas já dá para ir à pé (se você não estiver muito carregado e você não tiver chegado à noite).

F.A.M disse...

A Rdo do Tietê acho q é exemplo pra mtas q conheço nesse Brasil afora.............

Nícholas Vasconcelos disse...

Passei, passo, por anos na rodoviaria de Prudente. Quando era pequeno minha mãe vivia dizendo pra sair de perto dos 'drogados, ciganos e senhores estranhos.Pra mim sempre tinha um gostinho bom, porque era quaaase a casa do meu avô...com o tempo ela melhorou!