quinta-feira, 6 de dezembro de 2007

Respeitável público, comprem suas pipocas que o próximo espetáculo já vai começar! Estrelando os donos do circo: o Homem-Barbudo e seus comparsas!



É. Concordo com o Alê. Não dá para escrever sobre mais essa absolvição de Renan Calheiros. Não sem tomar Plasil na veia antes. Dá náusea pensar nisso mesmo. E como eu já não estou num dia de muita saúde, melhor parar por aqui antes que tenha que aumentar o arsenal de remédios. Melhor ficar só no Claritin.
Mas deixo para vocês o artigo do New York Times sobre o assunto.
É isso aí. Deu no !!
Impudico. Esse foi o termo utilizado pelo jornal. Nada mais apropriado, visto que os merecidos palavrões que estão nas pontas de nossas línguas não seriam autorizados. Depois disso, I rest my case.
Aí vai o link, então:

http://www.nytimes.com/2007/12/05/world/americas/05brazil.html?ref=americas


4 comentários:

BHY disse...

Não temos vergonhas, de nenhuma forma. Os políticos não vão mudar, eles vivem muito, aliás. E nós? A gente continua dormindo em berço esplêndido. Triste.
;-)

Julie disse...

Como diria Renatão: os assassinos estão soltos, nós não estamos!

Alexandre Lucas disse...

"Meus heróis morreram de overdose, e meus inimigos, estão no poder!"
Nem precisa dizer o autor, né?
PROFÉTICO!

Filipe disse...

Viva o Brasil!

Pelo menos o circo eles garantem, né?

Porque, quanto ao pão, acho que quem seguir esperando vai morrer de fome, porque o preço do feijão (o 'pao nosso de cada dia') tá pela hora da morte! :P